• Vinicius Uhlmann

Conheça os tipos de caminhões e suas capacidades de carga

Atualizado: 10 de Set de 2019

Caminhões são veículos muito versáteis, mas é preciso lembrar que são projetados para tarefas específicas. Basicamente, sua função é transportar cargas de determinados pesos e características, por isso precisam ser bem escolhidos para o serviço de fretamento.


Existem diferentes tipos de caminhões, que atendem a situações distintas e servem a todo tipo de mercadoria. O que os diferenciam são o porte e capacidade técnica, que tem influência direta na sua capacidade de carga.


Conheça neste artigo os tipos de caminhões e veja qual o mais adequado para transportar a sua carga.


Caminhões e cargas


O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) é a autoridade responsável por determinar o limite de carga dos caminhões que trafegam pelas estradas e cidades do país. Pela conservação das estradas e pela segurança dos transportes rodoviários, o órgão limita a quantidade de peso por eixo do caminhão.


O peso da carga e do próprio caminhão são suportados pelos pneus, que fazem o contato com o asfalto. Assim, essa pequena área de contato sofre uma grande pressão, capaz de deteriorar as estradas e a própria mecânica do caminhão. Por isso, quanto mais eixos o caminhão tiver (e consequentemente mais rodas), mais peso ele pode levar.


Ultrapassar os valores determinados, além de ilegal, pode desgastar mais rápido os pneus, amortecedores e suspensão, causando prejuízos.


Conheça a seguir os tipos de caminhões e suas características para o transporte de carga.


Caminhões para implemento sobre chassi


Seu tamanho permite que se desloquem com mais rapidez e agilidade. Contudo, têm dimensões e usos diferentes, como explicado a seguir.


  • Extra Leves - são os caminhões, em alguns casos pickups reforçadas, que possuem até 3,5 toneladas de peso bruto e que suportam a instalação de um baú em seu chassi. O maior expoente aqui são os HR da Hyundai e o Bongo da Kia. Mas ainda temos a linha mais leve da Sprinter e da Daily, fabricadas respectivamente pela Mercedes-Benz e Iveco. O novato nesse segmento é o Delivery Express da Volkswagen.


  • Veículo Urbano de Carga (VUC) – são caminhões leves com dimensões específicas para rodagem em grandes centros urbanos, que possuem legislação de trânsito própria para caminhões. Há uma variação na lei de cada município, mas de maneira geral são caminhões que possuem até 6,3 metros de comprimento (chegando até 6,0 metros em algumas capitais) e largura máxima de 2,20 metros.


  • Leves sem restrições de comprimento - são caminhões de dois eixos com largura normalmente de 2,20 metros, podendo chegar até 2,40. A capacidade de carga desse segmento tem crescido ao longo dos últimos anos à medida que novas tecnologias foram introduzidas pelas montadoras. Hoje temos caminhões com PBT, de quase 14 toneladas e baús com 6,20 metros de comprimento.


  • Toco (semi-pesado) – possuem ainda dois eixos, porém com bitola mais larga e estrutura reforçada, o que já possibilita um baú com 2,60 metros de largura, podendo carregar até 16 toneladas de peso bruto total, com 6 toneladas de capacidade de carga. O comprimento de baú frigorífico mais comum para um toco é de 6,5 metros externamente. Truck (pesado) – são caminhões que possuem três eixos, sendo um dianteiro e dois traseiros. Para o mercado de transporte frigorífico, normalmente apenas o primeiro eixo traseiro possui tração. Graças ao terceiro eixo, possuem peso bruto total de 23 toneladas. O comprimento dos baús frigoríficos ficam pouco acima de 8 metros a depender do modelo do caminhão e tipo de produto transportado.


  • Bi Truckado (extra-pesado): são caminhões Truck com mais um eixo direcional dianteiro, ficando então com quatro eixos no total. Utilizados em aplicações muito específicas, são veículos que suportam mais 6 toneladas que um truck normal, ficando com 29 toneladas de PBT.


Considerações finais


Como vimos, os diversos tipos de caminhões servem a situações diferentes, variando suas dimensões e capacidade de carga. A escolha do conjunto adequado vai depender do que se pretende transportar e dos limites que a legislação impõe.


Uma escolha equivocada pode acarretar em um maior custo de manutenção, devido a desgastes desnecessários e até a superutilização do caminhão, caso carregue mais peso do que o proposto para o frete.


Para o bom planejamento de transporte, é sempre bom conhecer os tipos de caminhão disponíveis, seu bom uso e como ele pode ajudar a deslocar sua carga com eficiência e segurança.


Assine a nossa newsletter para receber mais conteúdos informativos como este.

117 visualizações

Estamos à disposição para atendê-lo!

Visite nossas redes sociais!

ENCONTRE-NOS
VOLTE SEMPRE
NOSSOS PRODUTOS

- Baús Frigoríficos

- Carrocerias Isoladas

- Equipamentos de Refrigeração

- Isolamento de veículos

- Reforma e reparo de carrocerias

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
NOSSO TELEFONE

(81) 3271.3066 | (81) 99961.5068

NOSSO EMAIL
NOSSOS HORÁRIOS

Segunda a Sexta, das 08h00 às 17h30.

Estamos localizados na

BR-101 SUL 4005, Bairro do Barro

Recife/PE

CEP: 50780-627

 

© 2019 BXR Indústria | 10.390.807/0001-31 | Todos os direitos reservados.